Semear ideias ecológicas e plantar sustentabilidade é
ter a garantia de colhermos um futuro  
fértil e consciente!

Maranhão - (98)3274-1145 / 3274-1237 / 98789-2135

Piauí - (86) 98184-7844 / 99477-2937 / 99803-3774

Rio Grande do Norte - (84) 3631-8059 / 3631-8145 / 99128-2077

Tocantins - (63) 99911-5204 / 99111-7350 / 99994-8783

Sergipe - (79) 99809-5151 / 98111-6269

Bahia - (81) 98137-5151 / 99184-4555

Alagoas - (82) 98204-0785 / 99101-7679

Paraíba - (83) 98184-5151 / 99104-6032

Ceará - (85) 99186-1022

Pará - (94) 99174-6498 / 99215-4747

Pernambuco - (81) 98137-5151 / 99184-4555

 

 

 

 

 

 

 

 

Preço do milho teve recuo mensal de 2,08%; e o do ovo, de 8,58%

 

Data: 08/06/2017.

 

Soa estranho, mas em maio o frango vivo superou a inflação mensal (aqui definida pela variação do IGP-DI da Fundação Getúlio Vargas). É que enquanto o IGP-DI voltou a recuar (pelo terceiro mês consecutivo), o frango vivo permaneceu com a mesma cotação de abril (R$2,50/kg). Porém, foi só. Pois o milho e o ovo registraram recuos de preço superiores ao do IGP-DI, cuja redução ficou em cerca de meio por cento. O preço do milho teve recuo mensal de 2,08%; e o do ovo, de 8,58%.

 

Já na comparação com o mesmo mês do ano passado apenas o ovo supera a inflação registrada, de 1,07%: registrou, em maio, valor quase 15% superior ao de um ano atrás, enquanto o frango vivo registrou variação igual a “zero”. Bem mais significativa, neste caso, é a queda de preços do milho, de quase 45% em relação a maio de 2016. O que não se deve ignorar, entretanto, é que naquele mês o milho registrava variação de 102% em comparação a maio de 2015 e – considerada a evolução relativa de preços dos três produtos no período de vigência do real – alcançava valor que colocava o grão 286 e 326 pontos percentuais acima, respectivamente, do frango vivo e do ovo.

 

Pode não ser o ideal para o produtor de milho mas, hoje, essas gritantes diferenças desapareceram e, agora mínimas, são favoráveis aos dois produtos avícolas. Ou seja: frango e ovo alcançaram em maio valor que os coloca 29 e 45 pontos percentuais acima do milho.

 

Obviamente, os três perdem para a inflação acumulada na vigência do real e que, pelo IGP-DI, chega a 543,26%. Assim, os preços registrados em maio pelo frango vivo (R$2,50/kg), ovo (R$83,31/caixa) e milho (R$29,66/saca) corresponderam a 64,77%, 67,21% e 60,19% da inflação acumulada no real.

 

Fonte: AGROLINK

 

 

© Copyright 2017 - Todos os direitos reservados para INDAMA